Tempo de Leitura: 6 Minutos

Começando sua trajetória ainda jovem na internet, a jovem artista Gabriela Calazans, ou apenas Gabi Calazans, como é conhecida, de 12 anos, iniciou de forma despretensiosa no YouTube com intuito de apresentar alguns quadros de vlogs e brincadeiras, e no Instagram, decidiu que queria tentar se modelo e influenciadora. O que carioca não esperava, é que todo o seu projeto iria ainda mais além. Com bastante talento para artes e muita força de vontade, a carioca é seguida por milhares de jovens que acompanham seus trabalhos, que incluem ilustrações e possibilidades de atividades em formato de DIY (faça você mesmo).

O seu desenho mais conhecido que viralizou foi o do Baby Yoda da série “Star Wars”, que em nove meses alcançou mais de 130 mil visualizações. E para você que ficou curioso, venha conferir a entrevista!

Chamando bastante atenção na internet através de suas criações artísticas, como foi que surgiu a ideia de começar a compartilhar suas criações através das redes?

Não comecei como criadora de arte nas redes sociais, comecei com um canal no YouTube com Vlog e brincadeiras e meu Instagram comecei como blogueirinha, pensando em ser modelo (fechei parceria com loja de roupa, fiz curso de modelo). Mas a Pandemia chegou e tudo mudou! Como sempre amei desenhar, comecei postando meus desenhos no insta também e foi quando fechei as primeiras parcerias com a Molin do Brasil e outras marcas de papelaria, e a partir daí comecei a focar nas artes, fui crescendo e um tempinho depois a Molin do Brasil me convidou pra ser uma das Embaixadoras da marca e meu caminho nas redes mudou completamente, a prendi a fazer lettering e agora sou conhecida como ilustradora teen!

Um de seus principais tipos de artes que você produz, e que está em bastante tendência nos dias atuais é o lettering, que consiste em fazer textos personalizados com o desenho de fontes diferentes. No início, essa prática trouxe alguma dificuldade, ou você sempre teve inspirações que a serviram de guia?

Sim, amo fazer lettering (meu armário do quarto é todo desenhado e cheio de lettering rsrsrs…). No início foi difícil sim, eu não sabia fazer, mas como disse anteriormente, foi na Pandemia que aprendi e a melhorar as técnicas do lettering e como recebo muito material da Molin, ficou mais fácil com as canetas brush! (Antes eu só conseguia fazer as fakes, que você desenha a letra sem o uso da brush!) Tiro muitas inspirações do Pinterest e dos amigos artistas que conheço no insta!

Foto: Divulgação

Dividida entre a gravação de seus vídeos para o YouTube e os conteúdos que compartilha no Instagram, como funciona um dia de produção aí na sua casa, e como fica dividido os estudos com o trabalho?

Bom, eu não tenho gravado mais vídeos pra meu canal como gravava antes, tenho usado o shorts do YouTube para colocar meus vídeos do reels do Instagram (pois não dá tempo!) Então para meu canal não ficar parado, estou jogando meus desenhos para lá! Meu baby Yoda, por exemplo, viralizou por lá! Mas minha mãe leva muito a sério meus estudos, é bem separado meu tempo! Os dias de estudar para prova são sagrados aqui em casa! Mas como posto arte todos os dias no insta, a mamãe cuida do cronograma e vou deixando as artes prontas com antecedência. (Faço as artes, e ela tira foto, edita, posta, faz as legenda, responde, ela que cuida de tudo!)

A infância e a adolescência geralmente são épocas que ainda estamos buscando definições para o que gostaríamos de seguir na nossa vida profissional. Você pensa em passar a viver da sua arte hoje em dia, no conceito profissional?

Sim! Eu quero ser artista, ilustradora! Penso em fazer animação, que é o que mais gosto! Muitas pessoas me falam que eu deveria ter uma linha de caderno, quadro, blusa! Estamos pensando muito nisso agora! Mas ainda não sabemos como!

Foto: Divulgação

Como você considera a participação da arte na sua vida e qual significado ela te remete?

A arte me faz muito feliz, meu mundo é mais colorido por causa da arte! A arte é a expressão dos meus pensamentos, do que sinto em meu coração! A arte me remete a expressão, habilidade, talento são coisas que fazem parte da arte pra mim!

Nesse ponto do seu trabalho na internet, já teve situações aonde você chegou a ser reconhecida por fãs na rua? Como funciona essa questão de conseguir lidar com a privacidade na internet também?

Poucas vezes, (presencialmente) porque meus seguidores são mais de fora do Rio, mas todas as crianças que já me reconheceram não vieram falar comigo por vergonha sei lá! Rsrsrs… Eu ouvi falar de longe, Oh! A menina do insta! Mas nas redes estão sempre me pedindo pra fazer um desenho, nas minhas lives que faço duas vezes na semana sempre pedem pra tirar um print comigo, e postam nos stories me marcando, sempre recebo mensagens dizendo que são muito minhas fãs, que amam minha arte, mas como disse a maioria estão longe de mim! Por enquanto estou levando muito bem, porque ainda não interfere no meu dia a dia!

Foto: Divulgação

Dos que você já fez, qual foi o projeto que mais te trouxe desafios na hora de confeccionar?

O projeto que mais me deu trabalho por enquanto foi um concurso que participei que era pra se desenhar como personagem do filme Luca! Eu tenho muita dificuldade em desenhar algumas partes dos seres humanos, ainda me falta habilidade! Eu amo desenhar animação, ser humano é muito difícil!

A gente sabe que muitas pessoas hoje sonham em se tornar influenciadores digitais na internet, em ter uma vida focada no Instagram e no YouTube, assim como você vem usando eles para uma vitrine do seu trabalho. Que dicas você tem para dar aos que estão iniciando? Em sua opinião, quais são os principais erros cometidos?

Difícil responder isso, mas, minhas dicas são persistência, constância, qualidade nas fotos (de acordo com seu nicho), não poste foto tirada sem edição! Cuidado com a legenda tente falar o que está na foto, à legenda precisa estar de acordo com foto, use # que tem a haver TB com a foto! Ache seu nicho! Foque no que você gosta, procure # certas pra elas, não posso deixar de falar dos stories e do Reels! Os stories são sua história diária, o que você esta fazendo, colocar caixinhas de perguntas também funciona muito bem! Mas responda! Não deixe de responder! O reels bem feito, usando músicas em alta e as # certas vai te trazer seguidores e visibilidade!

Os erros mais cometidos são a compra de seguidores, não faça isso, cresça organicamente, demora um pouquinho mais você vai conseguir! Seja constante, responda aos seguidores, fique próximo deles o máximo que puder não se cobre tanto, com calma você chega lá! Não se esqueça de que você está ali para inspirar e influenciar então se divirta, faça o que você ama, mas com organização, porque com organização você consegue ser constante sem ser tão pesado!

Pra mim no YouTube sempre foi mais complicado, porque não me dedico tanto quanto no insta! Mas pra mim está bom, porque decidi focar no Instagram! Então borá se divertir e ser feliz com o que você ama fazer! Vem pro meu mundo!

Foto: Divulgação

Acompanhe Gabriela Calazans pelo Instagram e pelo YouTube.

Autores

  • Andrezza Barros (Niterói, 21 de abril de 1995) é uma jornalista, colunista e entrevistadora do entretenimento.

  • Luca Rocha Moreira, mais conhecido como Luca Moreira, é um jornalista, escritor e entrevistador internacional brasileiro. Conhecido por suas entrevistas com mais de 500 personalidades em cinco países diferentes em seus primeiros três anos de carreira. É autor do livro "300 Histórias para Inspirar".

Share.
,

Andrezza Barros (Niterói, 21 de abril de 1995) é uma jornalista, colunista e entrevistadora do entretenimento.

Leave A Reply

%d blogueiros gostam disto: